40 questões existenciais que o farão pensar

Dúvidas existenciais surgem dessas dúvidas que nos colocamos em busca de nossa consciência. e gasolina.

São questões que muitas vezes requerem uma profunda autorreflexão, outras vezes são questões que, como o nome sugere, tratam da nossa existência e das razões da vida. De qualquer forma, essas são questões que nos ajudam a perceber melhor a realidade e nossos próprios pensamentos e desejos.


Table of Contents

Questões existenciais para refletir e refletir sobre

Neste artigo, você pode encontrar uma lista de 35 questões existenciais que com certeza você se perguntou e que o farão pensar.

1. Como sabemos se estamos fazendo a coisa certa?

Tomar decisões nem sempre é fácil. Por um lado, temos nossa parte emocional e, por outro lado, nossa parte racional. Como apontam alguns pesquisadores como Antonio Damásio, as emoções têm tanto peso em nossas decisões que, embora às vezes pensemos que nossa parte irracional é a responsável, as emoções quase decidem por nós.

  • Se pretende saber mais sobre a influência das emoções nas nossas decisões, aconselho-o a consultar o nosso artigo: “Marketing emocional: tocar o coração do cliente”

2. Como podemos ter relacionamentos saudáveis?

Relacionamentos são difíceis. Basta olhar para os dados de um estudo do Eurostat (Serviço de Estatística Europeu): em Espanha, há cada vez menos casamentos, pois caíram para 56% nos últimos 50 anos. De acordo com o Conselho Geral de Notários, para cada casamento existem dois divórcios neste país.

Os relacionamentos nos afetam e podem nos colocar em uma crise existencial se não concordarmos com nosso namorado ou namorada. Aprender a ser feliz em um relacionamento é algo que exige aprendizado e reflexão cuidadosa.

3. Qual é o sentido da vida?

Uma das maiores questões existenciais que podemos nos colocar diz respeito ao significado do nosso caminho. Questioná-lo significa que estamos sempre em busca de nossa identidade. Portanto, você precisa pensar sobre quem você é, seus pontos fortes e fracos e o caminho a seguir na vida.

4. Como medimos o sucesso na vida?

Como medimos nosso sucesso? Em que áreas de nossas vidas? O que importa, o presente ou o passado? Só podemos viver no momento presente, mas o passado nos acompanha por toda a nossa vida. Depende de como interpretamos nossa vida que nos ajudará a ter um maior bem-estar. O mais saudável é se concentrar no aqui e agora.

5. Por que estou sentindo isso?

Nem todo mundo é emocionalmente inteligente e se deixa levar pelas emoções, sem conseguir se desligar delas.. Quando alguém faz essa pergunta, é porque tem que conduzir um processo de autorreflexão e autoconhecimento, porque a gestão emocional afeta positiva ou negativamente nossa felicidade.

6. Por que às vezes me comporto dessa maneira?

Podemos pensar que somos boas pessoas, mas em algum momento explodimos por causa do estresse no trabalho e pagamos com o primeiro que temos por perto sem valer a pena. Ou vamos para casa e usamos nosso parceiro como bode expiatório para nossa frustração, mesmo que seja ele quem mais nos apóie e nos mostre seu amor todos os dias.

7. Como posso mudar minha vida?

A vida nem sempre é um caminho de rosas, e muitas vezes é hora de refletir e mudar de rumo, de transformar o nosso para ir onde queremos estar. Para fazer isso, você precisa se conhecer, desafiar crenças limitantes, sair da sua zona de conforto, definir metas realistas, etc.

  • Você pode aprender mais sobre este assunto em nosso artigo: “Crescimento pessoal: como transformar sua vida em 6 etapas”

8. Por que tenho dificuldade em valorizar as coisas?

A mente humana é feita de tal forma que nos acostumamos com as coisas que temos. É normal que com o tempo não valorizemos o que realmente temos. É por isso que devemos evitar uma mentalidade consumista, porque nunca estaremos satisfeitos com o que temos e sempre iremos querer mais.

9. Estamos no controle de nossas vidas?

Todos nós certamente já passamos por momentos em que tínhamos que tomar decisões importantes ou estávamos em um processo de aprendizagem. Isso é completamente normal e a incerteza do momento pode ferir nossa autoestima. No entanto, esses momentos são necessários para chegar aonde queremos. Sair da zona de conforto é sinônimo de crescimento pessoal.

10. A Teoria do Big Bang é verdadeira?

Embora a ciência pareça ter encontrado evidências para o Big Bang, torna-se impossível para a mente humana imaginar a origem do universo. Nós realmente saímos do nada? Essa pergunta pode nos levar a pensar sobre algo cuja resposta é certamente complexa e difícil de visualizar.

11. Uma vida é suficiente para viver tudo em minha mente?

Não vivemos para sempre e, portanto, precisamos aproveitar ao máximo nossas vidas. Às vezes queremos fazer tudo e não é possível. Você tem que priorizar.

12. Existe vida após a morte?

Uma das questões existenciais mais importantes diz respeito à morte. É difícil para os seres humanos pensar que não há nada. Pensar na própria morte causa grande desconforto e, quando é necessário enfrentar a morte de um ente querido, fica muito difícil aceitar. Muitas pessoas precisam de terapia para se recuperar.

    13. Sou fraco se mostrar minhas emoções aos outros?

    Vivemos em uma sociedade que nos educou de tal forma que mostrar nossas emoções na frente dos outros é um sintoma de fraqueza: é permitido chorar, é fraco, não podemos ficar com raiva, etc. Você tem que ser feliz todos os dias. Isso, além de impossível, não é bom para o bem-estar das pessoas.

    14. Quem sou eu?

    “Quem sou eu?” é uma daquelas questões existenciais, em que procuramos saber se temos ou se ele definiu seu caminho. Porém, se não sabemos a resposta a essa pergunta, é porque ainda estamos procurando.

      15. Por que não valorizamos as pessoas que mais nos amam?

      A habituação de que falei anteriormente também pode acontecer com as pessoas que mais nos amam. Podemos presumir que as pessoas mais próximas sempre estarão lá para nós. Isso significa que às vezes os ignoramos e tendemos a subestimá-los..

      16. O que precisamos nesta vida?

      Muitas vezes pensamos que as coisas materiais são o que precisamos, mas nós precisamos de menos do que pensamos. Expectativas muito altas podem deixá-lo extremamente infeliz.

      17. A vida é injusta?

      Se olharmos em volta, perceberemos que a vida não é justa. Atrocidades diárias estão acontecendo em muitas partes do mundo e infortúnios podem acontecer a qualquer pessoa porque fazem parte da vida. Para desfrutar de um maior bem-estar emocional, você precisa se concentrar no presente, amar a si mesmo e praticar a aceitação. O que fazer quando você está desesperado?

      18. As pessoas mudam?

      Pode acontecer que, em algum momento de nossa vida, alguém que não nos feriu prometa nos mudar. Mas, As pessoas podem mudar? Obviamente sim. Agora depende deles.

      19. Por que existem pessoas tão cruéis?

      Às vezes não entendemos como existem pessoas tão cruéis e capazes de cometer atos bárbaros. A realidade é que a necessidade e a situação são muito importantes na maneira como nos comportamos com os outros.. Um estudo que explica isso perfeitamente é o da Prisão de Stanford.

      • Vocês pode ler esta pesquisa em nosso artigo: “The Stanford Prison Experience por Philip Zimbardo”

      20. Qual é o segredo para ser feliz?

      Uma pergunta que todos nós nos perguntamos uma vez é … Qual é o segredo para ser feliz? Na verdade, ser feliz o tempo todo é impossível, mas existem alguns segredos para ser isso que você pode conferir neste artigo: “As 10 Chaves para Ser Feliz, Segundo a Ciência”.

      21. Haverá vida em outros planetas?

      Uma das perguntas que todo ser humano já fez é se haverá vida em outros planetas.. Não temos uma resposta para essa pergunta ainda, mas certamente temos que o humano continuará a buscar formas de vida em algum lugar do universo infinito.

      22. O que devo estudar?

      Muitas pessoas, quando precisam entrar na faculdade, fazem a si mesmas uma pergunta existencial sobre seu futuro.. Escolher uma carreira e uma profissão é, sem dúvida, uma decisão que vai marcar o nosso futuro e o nosso bem-estar. Se escolhermos uma profissão que não nos motiva ou simplesmente não gosta, podemos nos arrepender para o resto de nossas vidas.

      23. Devo perseguir meus sonhos?

      Outra questão existencial é … Devo lutar pelo meu sonho apesar da dificuldade ou buscar estabilidade? A resposta a esta pergunta é sua, mas não há nada mais gratificante do que perseguir um sonho.

      24. Existe vida além do amor?

      Outra grande questão: precisamos de amor para sobreviver?

      25. Até onde eu poderia ir se quisesse?

      A força de vontade pode mudar tudo. Não deixe ninguém limitá-lo, e se você tem uma meta sobrancelha a sobrancelha, vá em frente.

      26. Onde posso encontrar refúgio emocional?

      Uma pergunta para pensar que realmente nos acalma.

      27. Se ele desaparecesse hoje, como o mundo mudaria?

      Nós tornamos a realidade diferente?

      28. Eu penso por mim mesmo ou discursos pré-fabricados falam pela boca?

      Como nossas idéias são realmente nossas?

      29. Quando a violência é justificada?

      Contextos podem afetar nossas escalas éticas por aspectos tão importantes quanto a integridade física de pessoas?

      30. Quando eu for embora, o que as pessoas vão se lembrar de mim?

      Que impressão deixamos nos outros? Algum de nós deveria se lembrar quando partirmos?

      31. Sou uma emoção ou estou certo?

      Essa dualidade serve para explicar acima de nossa personalidade.

      32. Posso ser feliz sem as pessoas ao meu redor?

      Uma questão existencial para saber o quão independentes somos.

      33. Por que as guerras ocorrem?

      A violência não é desejável, mas estamos em um contexto em que conflitos de guerra continuam a eclodir. Por que isso está acontecendo? Quais são os interesses por trás dos conflitos violentos entre as nações?

      34. O sistema educacional atual faz sentido?

      Faz sentido para uma criança de cinco anos passar várias horas por dia sentada e ouvindo as explicações do professor? Qual seria uma forma de educar mais de acordo com os valores da sociedade atual?

      35. Por que vemos os sonhos como ficções imaginárias? Eles poderiam, em certo sentido, ser mais reais do que a própria realidade?

      Pode parecer arriscado, mas se pararmos para pensar … talvez a realidade possa ser reinterpretada.

      36. Sou minha consciência?

      Qual é a natureza da consciência? É isso que nos define como indivíduos?

      37. Como meu sistema de crenças me limita?

      Crenças pessoais eles podem se tornar limites para nosso desenvolvimento pessoal.

      38. O bem e o mal existem como algo objetivo?

      Existe uma maneira certa de se comportar além de nossas opiniões?

      39. Meu plano de vida vai além da improvisação?

      Em outras palavras, vivemos realmente de acordo com planos pessoais ou é apenas ficção útil?

      40. Você pode culpar alguém por suas ações se não existe liberdade?

      Uma das questões existenciais mais discutidas é a relação entre determinismo e responsabilidade.

      Deixe um comentário