Por que o desenvolvimento da personalidade é importante?

Conhecer a si mesmo ajuda a focar nas ações que uma pessoa realiza no dia-a-dia.

Milhares de pessoas vêm à consulta sem saber quem são ou por que e por que fazem as coisas; quando uma pessoa sabe quem ela é, ela sabe para onde está indo.


O mais importante de uma pessoa é sua personalidade, pois ela fornece referências sobre o que fazer na vida, embora seja verdade que existem certas coisas que podem impedir uma pessoa de desenvolver sua personalidade. Aqui veremos quais são.

    Obstáculos ao desenvolvimento da personalidade

    Estes são os principais elementos que impedem o desenvolvimento adequado da personalidade de um indivíduo.

    1. Superproteção

    Quando as pessoas vivem em uma casa superprotegida, não há lugar para o ser da pessoa, não há fronteira entre uma pessoa e aquele que superprotegeentão você não pode dizer qual é qual.

    2. Casa sem promoção na tomada de decisão

    Há casas onde os membros dessas eles não são capazes de tomar suas próprias decisões; um ou outro pensa ou comanda o que o outro deve fazer, o que na maioria das vezes causa armadilhas e baixa autoestima.

    3. Parentes de um parente que não possui uma personalidade estruturada

    Quando o pai ou a mãe não tem uma personalidade estruturada, acontece é difícil para a criança desenvolver seu própriopois por um lado o desenvolvimento da personalidade não é uma prioridade para esta família e por outro não existe um modelo de exemplo a seguir.

    4. Sobre a participação

    Há outros pais, avós, tios… que não permitem que os membros de uma família nuclear se desenvolvam, porque tendem a ter uma opinião sobre a vida de uma pessoa. Há uma falta de limites com esses membros externos; os limites não são claros e todos passam a pensar em alguém da outra família.

    5. Conhecimento

    O desenvolvimento da personalidade raramente é promovido como tal em casa; muitos podem ter ouvido falar dele, mas eles realmente não conhecem todos os benefícios.

      Benefícios do desenvolvimento da personalidade

      Entre as vantagens de desenvolver a personalidade corretamente estão as seguintes.

      1. Seja motivado

      Uma pessoa que se conhece tem mais motivação para a vida.

        2. Abordagem

        Quando alguém sabe quem é, sabe o que quer e para onde vai. Assim, há mais chance de sucesso nas coisas que são oferecidas.

        3. Disciplina

        Pessoas que já levaram sua personalidade a sério tendem a se comportar de forma disciplinar leva-os ao alcance dos objetivos.

        4. Transgeracional

        Quando pelo menos um membro da família desenvolveu sua personalidade, outros membros da família também desenvolvem a sua.

          Possíveis consequências psicológicas de não progredir no desenvolvimento da personalidade

          Quando uma pessoa não desenvolve sua personalidade, ela experimenta com mais frequência fracassos, pois suas ações não são baseadas em apoio constante. A baixa autoestima aparece, o que leva a uma série de complicações: Essa pessoa pode ser provocada ou provocada, o que pode levar a uma queda na autoestima. Por isso é aconselhável não esperar muito e ir à terapia psicológica para que o problema não progrida.

          Existem também certos distúrbios que se desenvolvem quando você não tem uma boa estrutura pessoal.

          É importante saber que é no seio da família que este desenvolvimento deve ser incentivado. Cada membro ocupa um lugar, ou melhor, chamado de “papel”; no entanto, se esse papel não é claro e não é diferenciado um do outro, não está claro que lugar cada um ocupa.

          Por exemplo, em uma família, é muito útil saber quem é o pai (pelas ações que o pai realiza), bem como a mãe e os filhos; no entanto, é muito comum encontrar lares onde o papel de pai ou mãe não está totalmente definido e onde uma criança ocupa o lugar do pai. Esta criança deve sempre se comportar como uma criança para que seu desenvolvimento seja ótimo, assim como cada membro da família. A maioria das crises que ocorrem em uma família se deve justamente a um problema de diferenciar quem é quem.

          Deixe um comentário