15 dicas para um teletrabalho eficaz

O teletrabalho veio para ficar. Enquanto muitos trabalhadores voltaram ao trabalho de escritório desde que o bloqueio terminou na maior parte do mundo, outros continuaram trabalhando em casa, com seus prós e contras.

Antes da pandemia, o teletrabalho era visto como uma chance, algo que todo trabalhador estava farto de mesas, colegas de trabalho pesados ​​e chefes queriam. Com a introdução do trabalho remoto, muitos descobriram que trabalhar em casa não era tão fácil e muitos deles perderam completamente o controle de sua rotina de trabalho.


Para ajudá-los, aqui estão alguns dicas para o teletrabalho e tornar o nosso dia de trabalho em casa mais produtivo.

    15 dicas e estratégias recomendadas para teletrabalho

    Antes da pandemia, muita gente invejava quem fazia teletrabalho. Havia a ideia de que os teletrabalhadores eram os poucos sortudos que conseguiam acordar tarde, ficar de pijama o dia todo no computador ou deitar na cama com seus laptops. A ideia de que o teletrabalhador é seu próprio patrão está ancorada na ideologia popular, um chefe que se mima, bica quando tem vontade e relaxa quando merece.

    Mas desde que o teletrabalho se espalhou após a crise da saúde, aqueles que trabalhavam anteriormente no escritório e depois em casa mudaram muitas crenças sobre essa nova maneira de trabalhar. O teletrabalho é difícil, muito difícil. Os trabalhadores enfrentam todo tipo de distrações no “conforto” de sua casa, lidando também com o choque de suas vidas pessoais por trabalhar no mesmo lugar e ao mesmo tempo.

    Perder o controle do teletrabalho é muito fácil. As tarefas se acumulam, nos afligem e nos tornam igualmente preguiçosos. Por isso, para evitar isso, vamos conhecer algumas dicas para o teletrabalho e evitar os piores desastres no trabalho.

    1. Designe um espaço de trabalho

    Ter nosso próprio espaço de trabalho é crucial ao fazê-lo em casa. O ideal é ter o escritório em uma parte tranquila da casa, um local onde se pode concentrar e que serve para separar a vida profissional do pessoal.

      2. Não trabalhe em áreas de descanso

      Muitas pessoas achavam que o teletrabalho era ótimo porque permite trabalhar na cama ou no sofá. Este é um dos piores erros que podemos cometer ao trabalhar em casa. Esforços devem ser feitos para sair da cama e evitar que lugares reservados para descanso se tornem locais de trabalho.

      Deitar o dia todo pode parecer uma tarefa assustadora, mas logo nos deixará incapazes de trabalhar.. Além disso, provavelmente vai machucar as costas porque você não consegue trabalhar bem da cama e do sofá, eles não são feitos para isso, mas para descansar relaxado.

        3. Estabeleça horários de trabalho claros

        Um dos maiores riscos do teletrabalho é ter horários totalmente anárquicos, e digo isso por experiência própria. É por isso que devemos nos esforçar, reservar algumas horas exclusivamente para as tarefas domésticas e alertar as pessoas que moram em casa para não nos interromper.

        Precisamos definir diretrizes claras para as horas de trabalho e, de preferência, dentro da área de trabalho que designamos especificamente para esse fim. Você deve respeitar um horário de trabalho muito preciso e notificar as pessoas interessadas, como nossa equipe de trabalho, sua família e amigos., para que saibam quando estamos disponíveis para trabalhar e quando estamos pessoalmente.

          4. Comece o dia com uma rotina

          A manhã é a parte mais crítica do dia na vida do teletrabalhador. Entre acordar, tomar café da manhã, ir ao banheiro e fazer outras tarefas pontuais, como fazer compras, você pode chegar lá de manhã em um piscar de olhos.

          É inevitável que de vez em quando aconteça algo que precisamos fazer pela manhã para saber um pouco mais sobre a programação. No entanto, normalmente as manhãs serão normais e o melhor a fazer é aproveitá-las como parte da nossa rotina.

          É melhor começar o dia com uma rotina, definindo tarefas que lhe dão estrutura. Essas não são necessariamente tarefas profissionais, mas podemos dedicá-las ao dever de casa, exercícios, aprender um idioma online ou caminhar. A questão é que as manhãs são estáveis. E muito importante. Levante-se ao mesmo tempo e vista-se assim que acordar.

            5. Gerenciamento básico de tarefas

            Um dos problemas de trabalhar em casa é a motivação. Ao contrário de trabalhar em um escritório, trabalhar remotamente custa mais porque não temos colegas ou líderes presenciais que nos motivam a realizar tarefas básicas.

            É difícil manter um bom nível de auto-motivação porque esta é a chave para fazer planos para o dia seguinte e se esforçar para alcançá-los. Uma recomendação muito boa é começar cada dia priorizando a tarefa mais importante da lista de brincos.

            6. Escolha o mais complicado

            Se começarmos a fazer o que é mais complicado e demorado, melhor. Quanto mais difícil for a tarefa que fizermos no início do nosso dia de trabalho, mais motivados estaremos para fazer o resto à medida que vemos como soprar e fazer garrafas. Dessa forma, não vamos atrasar as coisas e o resto do trabalho será feito de forma suave e dinâmica..

              7. Siga rotinas fixas

              Um dos aspectos mais invejáveis ​​dos teletrabalhadores naquela época era a flexibilidade. Ser capaz de fazer coisas quando você parecia ser uma daquelas vantagens do teletrabalho.

              É realmente um aspecto positivo se você sabe administrar, mas como o ser humano precisa de alguma preparação e alguma ordem em sua vida, é melhor seguir rotinas fixas. Não se preparar para o que pode acontecer inesperadamente durante o dia causará caos.

              8. Divida o dia em blocos de tempo

              A produtividade humana varia ao longo do tempo. Não podemos trabalhar sem parar por 8 horas seguidas, mas não podemos gastar 5 minutos de cada vez fazendo nossa lição de casa. É preferível trabalhar em blocos, adaptáveis ​​à nossa capacidade de concentração e manejáveis ​​de acordo com as nossas necessidades. Dividir o dia em partes facilmente gerenciáveis ​​ajudará bastante a melhorar a produtividade do teletrabalho..

              Normalmente nossa concentração começa a cair depois de 45 minutos, embora existam pessoas que conseguem trabalhar razoavelmente bem por 2 horas seguidas. Não importa quanto tempo tenhamos sido produtivos, uma vez que terminamos, mesmo que tenhamos algum trabalho a fazer, seu ponto forte é levantar e se distrair por cerca de cinco minutos para recomeçar o próximo bloco com força recuperada.

                9. Evite usar o telefone

                Não apenas em casa, mas também no escritório, muitas vezes verificamos o telefone várias vezes, nos distraindo. Quando estamos trabalhando, não é o melhor momento para usar o celular. O melhor que podemos fazer é desligá-lo, mas se por motivos comerciais não pudermos fazê-lo, silenciá-lo também é uma opção e informar nossos contatos sobre nosso horário de trabalho e se eles precisam nos ligar para algo insignificante. , melhor fora deste horário.

                10. Restringir o uso de aplicativos

                Em conexão com o ponto anterior, para evitar cair na tentação de fofocar no Instagram ou Twitter, o que podemos fazer é baixe aplicativos para controlar o tempo que os usamos. Existem todos os tipos deles, alguns sendo Sense e Offtime. Com eles, podemos controlar o uso das redes sociais, definir limites diários e restringir o acesso a qualquer aplicativo que nos distraia do nosso trabalho.

                  11. Forçando-se a descansar

                  Trabalhar em casa o dia todo pode ser muito exaustivo e frustrante. Os teletrabalhadores têm o problema de que é muito difícil para eles se desconectarem fisicamente entre o trabalho e a vida privada, pois ambos se deslocam no mesmo espaço. Além disso, como o trabalho anda como um chiclete, às vezes quem trabalha em casa mal dá 100 passos por dia sendo realista, quem teve que ir do banheiro ao escritório e à cozinha.

                  Para evitar isso, você deve se forçar a fazer uma pausa de pelo menos meia hora entre as sessões., e passar uma hora comendo todos os dias. Quando estamos a descansar podemos passear pela casa ou dar um pequeno passeio na maçã e relaxar um pouco.

                  12. Mantenha-se fisicamente ativo

                  O exercício é essencial para manter um estilo de vida saudável e um bom desempenho não apenas no trabalho, mas em todos os outros aspectos da vida. Há tempo suficiente nas 24 horas do dia para fazer um mínimo de 20 minutos de exercício, mesmo levantando garrafas de água em forma de halteres. Se pudermos dar um passeio ou ir ao ginásio, melhor.

                  O relaxamento também é muito importante, principalmente para nossa saúde mental. Yoga, meditação e práticas semelhantes nos ajudarão a ser mais produtivos graças ao teletrabalho, bem como a não nos sentirmos muito estressados ​​por nossas tarefas profissionais e, além disso, nos fará sentir que somos pessoas muito produtivas. vida.

                  13. Cuide do que comemos

                  Outra chave para se manter saudável é comer direito. Quando você trabalha em casa, pode acontecer que, quando você tem a geladeira à mão, a use para gerenciar o estresse do trabalho. Como resultado, muitos ganham peso nos primeiros meses de sua vida de teletrabalho. É por isso que é tão importante comer de forma saudável e estar no controle do que comemos, sem fazer dieta, mas evitando junk food. Além disso, uma digestão muito pesada nos prejudicará se trabalharmos à tarde.

                    14. Fornecer segurança

                    Mesmo que estejamos em regime de teletrabalho, podemos estar expostos a riscos profissionais. Nossa casa se torna nosso escritório durante o horário de trabalho e, embora possa ser difícil pensar em acidentes que acontecem no home office, essa possibilidade pode ser adequada. É por isso que devemos garantir a nossa segurança fazendo uma lista de todos os riscos ocupacionais que surgiram no escritório e que podem surgir em casa, para que você possa evitá-los.

                    15. Comunique-se com os colegas

                    A comunicação é muito importante no trabalho, especialmente se estivermos trabalhando em casa. Muitos teletrabalhadores ignoram este aspecto, o que os leva a sentimentos de isolamento que podem progredir para a depressão, o que afetará não apenas sua produtividade, mas também sua sanidade.

                    Não trabalhar em um escritório não significa que você não possa entrar em contato com seus colegas, interagir com eles tanto para assuntos relacionados ao trabalho quanto para conhecê-los um pouco mais e até mesmo todos eles, ficar com eles de vez em quando em pessoa.

                    Referências bibliográficas

                    • Alonso, MB, Figuras, E. (2002). Teletrabalho e saúde: um novo desafio para a psicologia. Papéis do psicólogo.
                    • Gareca, M., Verdugo, R., Briones, JL, Vera, A. (2007). Saúde ocupacional e teletrabalho. Ciência e trabalho.
                    • Suárez-Barros, AS (2016). Teletrabalho: realidade e bem-estar. Estouro.
                    • Barrionou Nuñez, JL (2021). O efeito do teletrabalho no emprego no Equador durante a crise de saúde de 2019-2020. Empresa & Amplificador; Tecnologia, 4 (2), 223-234. https://doi.org/10.51247/st.v4i2.106 (Trabalho original publicado em 3 de maio de 2021)
                    • Vicente Herrero, MT, Torres Alberich, JI, Torres Vicente, A., Ramirez Iñiguez de la Torre, MV, & Capdevila García, L. (2019). Teletrabalho em saúde ocupacional. Lei CES, 9 (2), 287-297. https://doi.org/10.21615/cesder.9.2.6

                    Deixe um comentário